Questionamentos

O que todo viajante precisa saber; veja dúvidas frequentes

Em tempos de pandemia, reforço na higienização das mãos, uso de máscara de proteção e distanciamento social são recomendações para viagem segura

Quando estamos planejando uma viagem, uma série de perguntas vem a nossa cabeça, certo? E, como queremos que a aventura seja perfeita, todos esses questionamentos devem ser respondidos antes de cairmos na estrada, já que assim a gente dribla muitos inconvenientes e imprevistos.

Por essa razão, nós selecionamos alguns pontos que podem vir a sua mente quando estiver escolhendo seu próximo destino. Aproveite este conteúdo para esclarecer as suas dúvidas!

1. Como viajar em segurança após a pandemia causada pelo novo coronavírus?
Se, antes da pandemia, os cuidados com a saúde já demandavam importância, agora, então, são a prioridade número um do mundo inteiro. Então, caso precise se deslocar em breve, é importante se precaver de todas as formas possíveis, principalmente no que se refere à higienização das mãos, utilização de máscaras de proteção e o respeito ao distanciamento social. Todas as dicas estão reunidas aqui.

2. Estão sendo cobradas taxas para remarcações de passagens aéreas?
Nesse momento delicado pelo qual o turismo está passando, o setor de aviação civil está incentivando a remarcação de voos em lugar do cancelamento com reembolso. Graças a isso, as companhias aéreas passaram a adotar novas regras para alterações, e muitas estão isentando o passageiro do pagamento de multa em caso de necessidade de mudança de data, por exemplo. Como essas medidas são de responsabilidade das próprias companhias, cada uma delas possui regras únicas.

3. Quais destinos já reabriram?
Balneário Camboriú (SC), Campos do Jordão (SP), Dubai (Emirados Árabes), Gramado (RS), Machu Picchu (Peru), Las Vegas (EUA) e Orlando (EUA) são alguns dos destinos que já estão prontos para receber visitantes. Mas fique ligado: diversos lugares ao redor do mundo seguem com restrições, então certifique-se de confirmar todas as exigências e de consultar um agente de viagens antes de definir qual sua próxima viagem.

4. Em quais países os brasileiros podem entrar?
Turistas brasileiros estão sentindo o impacto da pandemia causada pelo novo coronavírus, já que alguns países preferem aguardar que o número de casos esteja sob controle antes de liberarem a entrada a passageiros vindos do Brasil. Para facilitar o seu planejamento, nós fizemos uma listinha com todos os países que estão de portas abertas para os viajantes canarinhos. Quer exemplos? Barbados, Camboja, Egito, Jamaica e Líbano são alguns deles.

5. Com quantos anos pode viajar sozinho?
Pessoas com idades entre 5 e 15 anos só podem viajar sozinhas dispondo de uma autorização da Vara da Infância e da Juventude; já aquelas entre 16 e 18 anos incompletos podem embarcar desde que portem documentos legais com foto. Neste texto nós compartilhamos todos os detalhes, inclusive explicando a diferença de documentação exigida em viagens nacionais e internacionais. Confira!

6. A partir de quanto tempo um bebê pode viajar?
O ideal é que o seu bebê viaje a partir dos três meses de idade. Nesse período, além dele já estar mais apto a mudanças climáticas, a mamãe também já está mais recuperada do parto.

7. Mulheres grávidas podem viajar de avião?
A resposta para essa pergunta é bem simples: cada caso é um caso, por isso consulte sempre o seu médico de confiança antes de tomar qualquer decisão e informe-se sobre os cuidados com a saúde na hora de viajar. Vale ressaltar ainda que as companhias aéreas têm algumas regrinhas específicas para o embarque de gestantes. Por exemplo: só podem subir a bordo, para viagens ao exterior, mulheres com até 32 semanas de gestação; em voos domésticos, a restrição é para a partir de 36 semanas, por exemplo.

8. Por que comprar com um agente de viagens?
Podemos elencar uma série de motivos para comprar com um agente de viagens, mas, para resumir, que tal abordar o conhecimento sem fim que ele tem para te auxiliar na escolha do melhor destino, a segurança de uma viagem tranquila e sem problemas, as melhores tarifas para hotéis e, claro, dicas imperdíveis de o que fazer na região? Como é expert no assunto, esse profissional pode transformar suas férias dos sonhos em realidade e formatar um roteiro que seja a sua cara e caiba no seu bolso.

9. Posso levar meu bichinho de estimação em viagens mais longas?
Quer ter a companhia do seu amigão na próxima aventura? Então você tem que levar em consideração todas as regras que precisam ser seguidas e conversar direitinho com o veterinário para garantir uma viagem segura e confortável para o seu pet. Em viagens de carro, é fundamental zelar por assentos adequados, por meio dos quais eles ficam presos pela coleira em uma elevação fixada no cinto de segurança. Já em aventuras de avião, primordial mesmo é ficar de olho nas exigências das companhias aéreas, que podem demandar apresentação da carteirinha de vacinação atualizada, atestado veterinário e caixa de transporte.

10. O que é o seguro-viagem? Qual é a diferença entre seguro e assistência de viagem?
O seguro-viagem e a assistência médica são serviços que auxiliam os viajantes em casos de contratempos como atendimento médico e/ou odontológico, extravio de bagagem, realização de exames e regresso sanitário, entre outros. Transformados em um único produto desde 2016, o que os difere é o fato de o seguro-viagem exigir que o segurado arque com todos os gastos para que, só depois de voltar ao seu país de origem, seja reembolsado; já com a assistência, o passageiro não precisa desembolsar nem um centavo em caso de emergência: basta entrar em contato com a central de atendimento via telefone para receber instruções de onde procurar ajuda médica.

11. Como minimizar os incômodos em uma viagem de avião?
É fato que quase todo mundo ama viajar, mas não são todos que se sentem confortáveis dentro de um avião. Algumas dicas são certeiras para minimizar os incômodos, variando da escolha da poltrona e alimentos ingeridos à utilização de protetores labiais e roupas confortáveis. Espia só!

12. Quais cuidados devo ter com a bagagem? O que devo fazer se ela for extraviada?
Cresce a cada ano o número de brasileiros que viajam de avião. Por isso, é importante saber o que pode levar na mala, qual é o peso máximo permitido, o que fazer caso seja extraviada e as restrições na quantidade e na bagagem de mão.

13. É preciso visto para entrar na Europa?
Não. Mas é importante saber que essa regra vale para aqueles que viajam a turismo por menos de 90 dias pelos países pertencentes ao Tratado de Schengen, o que não inclui Bulgária, Romênia, Chipre, Irlanda, Reino Unido e Croácia. Então, caso pretenda viajar para um desses destinos, é importante checar as regras com os respectivos consulados.
Ah, outra coisa: a partir de 2021, os brasileiros deverão solicitar uma autorização de viagem on-line para entrar no Espaço Schengen. Chamado de ETIAS (Sistema Europeu de Informação e Autorização de Viagem, na sigla em português), esse mecanismo exige o pagamento de uma pequena taxa e o preenchimento de um formulário com dados pessoais.

São signatários do Tratado de Schengen os seguintes países:

Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Hungria, Islândia, Itália, Liechtenstein, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Noruega, Países Baixos, Polônia, Portugal, República Tcheca, Suécia e Suíça.

14. Precisa de passaporte para viajar para todos os países?
A resposta é: não. Bem do ladinho do Brasil, todos os países pertencentes ao Mercosul não exigem passaporte para a entrada de brasileiros em seu território. O que você precisa ter em mãos? Um RG expedido há menos de 10 anos. E atenção: somente esse documento vale como oficial, então não adianta levar a Carteira Nacional de Habilitação, por exemplo.

15. Perdi o voo. E agora?
Uma vez perdido o voo, não adianta se desesperar. É preciso tomar algumas medidas para conseguir embarcar na próxima oportunidade. Quer um exemplo? A primeira coisa a fazer é entrar em contato com a companhia aérea, seja no próprio aeroporto ou por telefone. Se tiver fechado a viagem com o auxílio de um agente de viagens, melhor ainda: ligue para ele e explique o que aconteceu. Ele te passará todas as orientações e te ajudará a embarcar em um novo voo de forma simples e rápida.

16. O que é tax-free?
Esta expressão pode ser a chave para conseguir economizar e garantir o reembolso de algumas mercadorias. Durante suas viagens, basta escolher as lojas que fazem a devolução de uma taxa chamada VAT (Imposto sobre Valor Acrescentado). Aqui tem mais detalhes de como funciona.

17. O que fazer durante a quarentena?
Para você, viajante de plantão, a quarentena pode estar sendo um tanto quanto difícil. Por isso, planejar sua próxima viagem, viajar por meio de filmes gravados em diferentes lugares do mundo, organizar as fotos de viagem, fazer tours virtuais e ficar por dentro de todas as novidades são excelentes opções para deixar os dias mais leves. Vale a pena!
Voltar Voltar Voltar ao topo da página Topo


Principal  |   Expediente   |   Sugestões   |   Anuncie

© 2020 Turismo & Negócios - Todos os direitos reservados

[email protected]