Busca:     

Hemisfério Norte

Valle Nevado sedia treinamento de equipes profissionais de esportes

Qualidade da neve e infraestrutura são atrativos para atletas de esqui e de snowboard

Valle Nevado é conhecido por ter a melhor neve da região
Valle Nevado é conhecido por ter a melhor neve da região
Durante a temporada de neve no Chile, que vai geralmente até o começo de outubro, times profissionais de esportes de inverno de várias partes do Hemisfério Norte, que está em pleno verão, desembarcam no país para treinar no Valle Nevado, uma das mais famosas e completas estações de esqui e snowboard da América do Sul.

Entre os times que visitam anualmente o complexo, estão as seleções de esqui e snowboard da Alemanha, Áustria, Canadá, Itália, Estados Unidos e Noruega, inclusive algumas equipes paraolímpicas. Em 2018, pela primeira vez, a temporada também contará com a presença das equipes de Andorra, Suécia e Suíça.

Além do esqui, snowboard é outro esporte de inverno bastante praticado no Valle Nevado
Além do esqui, snowboard é outro esporte de inverno bastante praticado no Valle Nevado
A procura pelo Valle Nevado se justifica pela praticidade e qualidade da estação, que oferece uma infraestrutura completa para os atletas, com hotéis, restaurantes, sala apropriada para guardar equipamentos esportivos entre os treinos e acesso livre a 37 pistas de esqui e snowboard com diferentes níveis de dificuldade. Todos esses fatores, somados à qualidade da neve, propiciam o cenário ideal de treinamento para competições de alto nível, como as da Federação Internacional de Esqui, Copa do Mundo de Esqui Alpino e Olimpíadas de Inverno.

Outro ponto favorável é a segurança do complexo, que tem equipes médicas e de patrulha extremamente profissionais. Em caso de emergências, pode-se fazer uma transferência de helicóptero em até 10 minutos até a capital Santiago, localizada a apenas 60km do Valle Nevado. Além disso, as pistas não têm obstáculos naturais como árvores ou pedras grandes, livrando os atletas e treinadores da preocupação com eventuais colisões.

Infraestrutura é um dos diferenciais que atraem atletas do hemisfério norte ao Valle Nevado
Infraestrutura é um dos diferenciais que atraem atletas do hemisfério norte ao Valle Nevado
As equipes de esqui costumam chegar ao Valle Nevado entre meados de agosto e o início de outubro e ficam entre duas e três semanas no complexo, período dedicado a uma rotina rigorosa de treinamento. O dia dos atletas começa cedo, antes do nascer do sol. Às 7h, estão todos na pista praticando, onde costumam ficar até meio dia. À tarde, realizam condicionamento físico e revisam os vídeos de treinamento.

Os atletas, inclusive alguns campeões da Copa do Mundo e campeões olímpicos, treinam principalmente Super Giant (velocidade), Slalom Gigante e Slalom (técnico). Em geral, fazem cinco ou seis descidas de cada disciplina, todas cronometradas e filmadas.

Além das equipes olímpicas, o Valle Nevado também recebe clubes estrangeiros de esquiadores e grandes academias de esqui, que são escolas nas quais estudantes podem conciliar os estudos de disciplinas comuns, como matemática, história e idiomas, com aulas práticas de esqui. Esse é o caso da Green Mountain Valley School, de Vermont (EUA), que, em 2018, fará sua 10ª visita ao Valle Nevado.
Voltar Voltar Voltar ao topo da página Topo


Principal  |   Expediente   |   Sugestões   |   Anuncie

© 2018 Turismo & Negócios - Todos os direitos reservados

[email protected]