Busca:     

Destaque

Filé Nordestino na Praia do Francês

O filé é alto, temperado na simplicidade do sal, e com a textura da carne no ponto certo

Filé é alto com molho de mel de engenho
Filé é alto com molho de mel de engenho
O filé é alto, temperado na simplicidade do sal, e com a textura da carne no ponto certo. Para dar ainda mais sabor, entra em cena o molho de mel de engenho, que, para minha grata surpresa, não ficou doce. Para completar a seleção nordestina da receita, o purê de macaxeira, que é show de bola. Batizado de Filé Nordestino, a iguaria integra o time das novas comidinhas do restaurante Fateixa do Hotel Ponta Verde do Francês, assinado pelas chefs consultoras, Mariana Bernardes e Flávia Soares.

Ficar hospedado no Ponta Verde Praia do Francês para paquerar o mar azul da cor do céu já é bom. Agora as comidinhas bem elaboradas e atraentes ao paladar se tornaram mais um motivo para curtir a praia famosa da cidade de Marechal Deodoro. O cardápio elaborado pelas chefs tem as tradições das comidas da praia e lagoa, mas com novas pegadas.

Restaurante Fateixa


Caldinho de feijão para começar bem o dia
Caldinho de feijão para começar bem o dia
Para começar
A seleção de entradinhas ou para petiscar na piscina com a melhor vista da Praia do Francês começa com o caldinho de feijão com ovo de codorna. A carne é triturada junto com feijão e, para finalizar a tradição brasileira, são adicionados minis bacons crocantes.

Espetinho natural com queijo coalho, banana , legumes, farofa e vinagre
Espetinho natural com queijo coalho, banana , legumes, farofa e vinagre
Nós temos bananas
O clássico espetinho e o queijo coalho grelhado da praia ganharão uma versão vegetariana, e das boas: a banana da terra vem intercalada com o queijo, legumes e, claro, a farofinha na manteiga e vinagrete feito com esmero na cozinha do hotel. Pode ter certeza de que é para comer mais de um.

Sabor de casa: o pastel de camarão é perfeito. Recheado com o crustáceo em pedaços no caldinho do próprio camarão, é impossível comer apenas um. Tem sabor familiar.

Mel
Tem petisco que é para casar, que fica maravilhoso junto, como é o caso do dadinho de tapioca com molho de mel de engenho misturado na geleia de pimenta. Danado de bom.

Clássico
O camarão a jangadeiros é empanado com a farinha panko (farinha japonesa) queijo e geleia de manga.

Cordeiro com farofa de cuscuz
Cordeiro com farofa de cuscuz
Farofada
O cordeiro, de carne macia, é bem temperado, e vem agraciado ao molho de vinho tinto e farofa de cuscuz.

Moqueca de peixe com banana da terra e pirão
Moqueca de peixe com banana da terra e pirão
Compartilhar
A moqueca de peixe da tapera merece atenção para o pirão. É de comer sozinho. O peixe é o filé do dia, e a banana da terra é presença marcante na tradição.

Os irmãos Ana Laura e Mauro Vasconcelos com as chefs consultoras Flávia Soares e Mariana Bernades
Os irmãos Ana Laura e Mauro Vasconcelos com as chefs consultoras Flávia Soares e Mariana Bernades
Doces: para adoçar a vida, a sobremesa jangada (com sorvete de tapioca e calda de goiabada) na minha opinião é a melhor. O sorvete tem casquinha crocante de pastel em formato de jangada, e a calda de goiaba faz um casamento perfeito.

Quenga
A tradicional cocada vem na “quenga” do coco. Para quem ama pudim, tem o clássico.

Massa
A pizza é uma ótima opção para noite. Com certeza a criançada, assim como eu, porque ainda tenho alma de menina, vai amar a massa leve e recheios tradicionais. Simples e saborosa. Pode investir.

Nide Lins
Voltar Voltar Voltar ao topo da página Topo


Principal  |   Expediente   |   Sugestões   |   Anuncie

© 2018 Turismo & Negócios - Todos os direitos reservados

[email protected]